quinta-feira, 28 de abril de 2011

às vezes ando muito cansada. demasiado cansada, mesmo. do corpo, da cabeça. sem paciência para nada nem para ninguém, afinal de contas, lidar com pessoas é desgastante. às vezes grito, outras vezes falo mal, e outras.. bem, outras só me apetece chorar.
às vezes dou por mim a pensar que, há uns anos atrás, não fazia nem ideia do que queria fazer da vida. depois penso mas quando é que eu alguma vez na minha vidinha pensei que um dia iria estar a trabalhar aqui, atrás das câmaras? nunca, mesmo.
e lá me cai a ficha.. é isto mesmo. é isto que quero e que gosto de fazer. e por mais stressada que seja, por mais crises que tenha, por mais cansada que ande.. percebo que é mesmo isto que me deixa realizada.
ao menos que isto valha a pena.

4 comentários:

Daniela Pereira disse...

Todos temos crises e todos nos sentimos assim cansadérrimos de vez enquanto, não é nada de anormal. Eu não trabalho, mas pronto em termos de estudo, não acho que exista algo que se possa adaptar mais a mim do que aquilo que faço e mesmo assim tenho a minha cabecinha sei lá como de vez enquanto.

P. disse...

o que conta, na realidade, é chegarmos ao fim do dia a sentirmos que o esforço valeu a pena :)

L. disse...

Já dizia Confúcio: "Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida."

Ainda bem que tb és uma privilegiada, foca-te nisso! :)

Maga P. disse...

Não o conseguiria descrever melhor...
Bora lá continuar!