domingo, 8 de fevereiro de 2009

da coisas

quando terminei o estágio profissional, a minha chefe devia-me dois ordenados. ficou a dever-me durante uns 3 meses, já que, a partir de junho, nunca mais me pagou quando devia. quando me pagou, em outubro, falei com ela ao telefone, e disse-lhe que achava que me tinha pago 700€ a mais, mas ela disse que não, que estava tudo bem. aguentei ainda um mês sem mexer nesse dinheiro, mas depois pensei eu avisei-a, ela disse que não, que estava tudo bem, caguei. certo, fui para lisboa trabalhar, gastei o dinheiro, claro, fiquei novamente desempregada, e agora, agora, 5 meses depois, vem ter comigo, para eu assinar uns recibos que faltavam ah, estás com um visual diferente, estás gira, está tudo bem contigo?, e para me dizer que, afinal, me pagou um mês a mais, para eu confirmar e tal, e que sabe que é mau, porque nos dias de hoje o dinheiro voa e bla bla bla...
tudo bem, é verdade que ela me pagou a mais na altura, maaaaas, uma vez que a avisei, ela não podia ter visto logo na altura o que se passava?
enfim. sou boa moça e vou fazer os possíveis para devolver tudo em condições.

5 comentários:

Alexandra disse...

Quando ontem vi o teu comentário, pensei assim "olha, uma pessoa nova a comentar o meu blog, deixa cá ver quem é.". Fui ao profile e ao passar os olhos pelos interesses, tive uma sensação de dejá vu. Depois descobri, para muito meu espanto, que tu eras a mesma aqui do "Coiso e Coisas" que comecei a ler há umas semaninhas e onde todos os dias venho dar uma vista de olhos. Fiquei... surpresa. Muito. Não estava nada a espera. Obrigada pelo comentário. :)
Ainda não tinha comentado por 'vergonha' mas hoje tinha mesmo de ser. E em relação ao post, há gente muito p*** mesmo. Enfim... Há que ter paciência. :)

Madame Butterfly disse...

Há que ter paciência para determinadas criaturas que nos aparecem pela frente...

disse...

Que injustiça....

Claro que de início não era suposto ser para ti essa quantia, mas visto que na altura avisaste! Agora já não lhe dvia ter direito!!

P. disse...

pois, mas o que é que se pode fazer numa situação destas? por mais respostas que possam surgir, eu só consigo fazer o que já tenho em mente...

enfim. há quem me chame totó, mas eu acho que é assim que tenho de agir :S

ANDARILHO disse...

Dão-me uns nervos esses enganos.