domingo, 1 de março de 2009

primeiro dia: check!

toca a acordar às 6 da manhã para estar às 7 e 45 no centro de congressos do estoril, a preparar tudo para abrir o secretariado.
delegar tarefas. acatar pedidos. não ter disponibilidade para nada. acho que precisava de um computador só para mim, caso contrário não consigo dar vazão às coisas que me pedem. é sentar-me à frente do pc e ouço logo de seguida ainda demora? é que preciso de ir aí ao computador. não consigo ficar mais de 5 minutos seguidos à frente do ecrã. aborrecimento.
os laboratórios são uns filhos da mãe, que mandam os nomes dos médicos todos trocados e errados. e lá vamos nós mudar tudo o que já temos feito. aborrecidos.

doutores para aqui. doutoras para ali. no meio de tanta gente, lá lavei a vista com um doutor fofinho, magro escanzelado, como costumo gostar, moreno, aparelho nos dentes. amei. foi logo motivo de risotas o resto do dia.

final do dia a morrer. não aguento os pés, as pernas, os olhos abertos. mas, ainda assim, as 5 arranjamos forças para nos rirmos às gargalhadas na viagem que nos trouxe do estoril a lisboa.

e amanhã, às 7 e 30 lá estaremos.

4 comentários:

Um gajo qualquer... disse...

Tu não me digas que és delegada de propafanda médica???

:S

... Henrik ... disse...

Entendo-te...
Mas tem de ser. Congressos é akela base... Muito trabalho, pouco proveito! =P

* * *

disse...

Isso é que é energia! Coragem...

P. disse...

um gajo qualquer: não, não, faço parte da organização do congresso, apenas :)

... Henrik...: o proveito aqui vai-se ver é no final no trabalho ;)

té: tenho imeeeeeensa! até 4ª feira, pelo menos :)