segunda-feira, 14 de junho de 2010

entre conversas de santos, surgiu o seguinte diálogo:

- tás a dizer que sou fácil?
- tou. (entre risos)
- fogo, e eu a pensar que era fofa e tal, que fazia as coisas de modo a tar sempre tudo bem... e agora dizes-me que sou fácil? bah.
- não, há uma diferença entre ser fácil e ser amiga. e olha que tu... bem... tu, posso dizer, tás no top 4. não, acho que exagerei, acho que tenho 3 amigos, e estão todos aqui ao pé de mim agora (estava ele, eu e mais dois amigos dele).

sorri. apenas e só.
com ele não sei muito bem como reagir. ele é arisco, uma pessoa se lhe vai tocar, seja qual for a razão, faz com que ele se assuste, se afaste.
neste momento, em que recebi o melhor elogio que poderia sair da boca dele, queria ter-lhe dado um abraço, queria passar a minha mão pelo cabelo dele. só para ele perceber que gosto mesmo dele, que sou mesmo amiga dele.
mas com uma pessoa assim, e com uma conversa destas... sorri. apenas e só.

2 comentários:

Madeline disse...

Cof cof e fiu fiu, E mais não digo.. :P

isa disse...

Nada a declarar :)